NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 16 de dezembro de 2019

 

O jornalista Augusto Nunes, comentarista do Jornal da Record, agrediu o americano Glenn Greenwald, um dos fundadores do The Intercept, com um tapa no rosto, após discussão ao vivo, no programa Pânico, da rádio da Jovem Pan.

A agressão aconteceu depois de Glenn chamar Nunes de covarde por ele ter questionado publicamente a criação dos filhos do americano com o deputado David Miranda.

“Você é um covarde!”, disse Glenn. “Covarde, mas apanhou na cara”, rebateu Augusto Nunes.  André Marinho, filho do empresário Paulo Marinho, separou a briga. O empresário é o suplente do deputado federal Flávio Bolsonaro (PSL)

Mesmo contido, Glenn conseguiu reagir e acertou um soco de raspão em Augusto. O programa foi interrompido por cerca de 15 minutos, até que a confusão fosse contida.