NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 5 de dezembro de 2020

Carro teria sido comprado de forma fraudulenta, veículo foi apreendido pela Polícia Civil – Foto: Polícia Civil/Divulgação

 

Três suspeitos de estelionato da mesma família, um casal de 57 anos e a filha deles de 38, foram presos em flagrante pela Polícia Civil, na quarta-feira (22), em Pará de Minas. A prisão foi feita enquanto eles tentavam regularizar um veículo comprado de forma fraudulenta, segundo a Civil. O carro foi apreendido durante a ação.

A investigação da Polícia Civil começou após relato da própria vítima no ano passado. Aos policiais, a vítima contou que os estelionatários teriam adquirido ilegalmente um veículo em nome dela. Depois, uma pessoa que mora em Belo Horizonte a procurou para agendar um encontro, prometendo a regularização da situação. Para isso seria necessário transferir a propriedade do veículo.

Com estas informações, os policiais civis compareceram ao local marcado e surpreenderam um homem de 57 anos, acompanhado da esposa da mesma idade, que estava preenchendo o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) na presença da vítima. Enquanto isso, a filha do casal suspeito, de 38 anos, aguardava os pais no veículo alvo da transferência em uma rua próxima.

O trio foi conduzido à Delegacia para prestarem esclarecimentos. De acordo com a delegada Ana Cristina de Oliveira Bicalho Leão, o casal entrou em contradição ao ser questionado sobre a origem do veículo.

Os três foram autuados pelo crime de estelionato e foram encaminhados para o Sistema Prisional e, segundo a Polícia Civil, se encontram à disposição da Justiça.