NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 13 de agosto de 2020

Foto: Cristiane Mattos

 

A Federação Mineira de Futebol definiu, nesta quinta-feira, datas, horários e locais das semifinais do Campeonato Mineiro. O Independência será o palco dos dois confrontos entre Tombense e Caldense. Por sua vez, o Mineirão receberá o primeiro clássico entre Atlético e América. A volta, com mando do Coelho, será no Horto.

Os duelos entre o líder Tombense e a Caldense, quarta colocada, serão realizados no Independência, no domingo, dia 2/8, às 11h, e na quarta-feira, dia 5, às 16h.

Por ter feito a melhor campanha da fase de classificação, com 26 pontos, o time de Tombos terá a vantagem de jogar por dois empates ou vitória e derrota com a mesma diferença de gols. A Caldense somou 20 pontos.

Se o Tombense avançar, preservará a vantagem na final contra América ou Atlético.

A outra semifinal, entre o América, segundo colocado, e o Atlético, terceiro, será aberta no domingo, às 16h, no Mineirão, com mando alvinegro. A partida de volta será na quarta-feira, às 21h30, no Independência, estádio americano.

O Coelho também terá a vantagem de jogar por dois empates ou vitória e derrota pela mesma diferença de gols, uma vez que fez a segunda melhor campanha da fase inicial do Estadual, com 25 pontos. O Galo somou 22.

 

VAR

Os dois jogos dos representantes do interior serão realizados em Belo Horizonte, uma vez que os estádios Antônio Guimarães de Almeida, de Tombos, e Ronaldo Junqueira, de Poços de Caldas, não estão habilitados para receber o árbitro de vídeo (VAR). A recurso tecnológico para esclarecer alguns lances polêmicos será aplicado nas semifinais e na decisão.

 

Datas das finais indefinidas

Em 6 de agosto, dia seguinte às semifinais, os finalistas vão se reunir na Federação Mineira de Futebol para definir as melhores datas para a realização das partidas da decisão.

 

Interior x capital

Depois de cinco anos, o Campeonato Mineiro voltará a ter uma final entre um clube do interior e outro de Belo Horizonte. A última foi entre Caldense e Atlético, em 2015, com título alvinegro.

O Tombense fez história ao confirmar a liderança da fase de classificação. Nesta quarta-feira, o time dirigido por Eugênio Souza superou o Uberlândia por 1 a 0, em Tombos, e chegou a 26 pontos, com 78,88% de aproveitamento. A campanha teve oito vitórias, dois empates e apenas uma derrota, com 18 gols pró e seis contra.

O time da pequena cidade de Tombos, com cerca de 12 mil habitantes, na Zona da Mata mineira, ainda tem o artilheiro do Estadual até aqui: Rubens, autor de seis gols.

Caberá agora ao ‘Gavião-Carcará’, de Tombos, tentar quebrar a hegemonia dos grandes da capital no Campeonato Mineiro. Desde 2001, entre os times do interior, só o Ipatinga, em 2005, conseguiu superar um clube de BH (Cruzeiro) e ficar com a taça. Em 2002, a Caldense foi campeã, mas em edição sem América, Atlético e Cruzeiro.

Na semifinal, o Tombense reviverá a semifinal do Mineiro de 2015, quando enfrentou a Caldense. À época, o Gavião foi eliminado. Dessa vez, o clube entra como favorito e com a vantagem.

 

Veja, a seguir, o informe da FMF:

A Diretoria de Competições (DCO) da Federação Mineira de Futebol (FMF), no uso de suas atribuições considerando o término dos jogos da Fase Classificatória do Campeonato Mineiro SICOOB 2020 – Módulo I; considerando a solicitação da emissora detentora dos direitos de transmissão, conforme art. 6º, §5º do Regulamento Específico da Competição (REC);

R E S O L V E

Publicar data, horário e local dos jogos da Fase Semifinal:

Associação Atlética Caldense x Tombense Futebol Clube, no dia 02.08.2020, domingo, às 11h, no Estádio Raimundo Sampaio, Independência, em Belo Horizonte;

Clube Atlético Mineiro x América Futebol Clube, no dia 02.08.2020, domingo, às 16h, no Estádio Governador Magalhães Pinto, Mineirão, em Belo Horizonte;

Tombense Futebol Clube x Associação Atlética Caldense, dia 05.08.2020, quarta-feira, às 16h, no Estádio Raimundo Sampaio, Independência, em Belo Horizonte;

América Futebol Clube x Clube Atlético Mineiro, dia 05.08.2020, quarta-feira, às 21h30, no Estádio Raimundo Sampaio, Independência, em Belo Horizonte.

 

Do Uai