NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 28 de novembro de 2020

jihadistas ramadi detidos

 

 

 

 

As forças iraquianas reconquistaram nesta terça-feira (8) uma boa parte da cidade de Ramadi, situada a 100 km de Bagdá e em poder do grupo Estado Islâmico (EI) desde maio, anunciaram as autoridades.

A tomada do setor de Tamim é uma vitória importante para as forças iraquianas, depois de meses de ofensiva para recuperar o controle da capital da província ocidental de Al Anbar.

“Hoje nossas forças libertaram completamente o setor de Tamim depois de uma batalha violenta contra os combatentes do Daesh (acrônimo em árabe do EI)”, declarou à AFP o porta-voz dos serviços de luta antiterrorismo, Sabah al Noman.

A tomada foi confirmada pelo polícia da província de Al Anbar e pelo comando das operações conjuntas.

Os jihadistas do EI se apoderaram de zonas do Iraque, incluindo a segunda cidade do país, Mossul, durante a ofensiva relâmpago lançada em junho em 2014. Seis meses antes já havia conquistado a localidade de Fallujah, situada na província de Al Anbar.

As forças curdas iraquianas, com ajuda dos bombardeios aéreos da coalizão internacional encabeçada pelos Estados Unidos, arrebataram dos jihadistas a cidade de Sinjar (norte) em meados de novembro.