NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 30 de maio de 2019

 

Sete cidades do Centro-Oeste de Minas estão na lista daquelas que devem receber o repasse de verbas referente ao mês de maio para reforçar ações de controle ao Aedes aegypti. Além de Itaúna, aparecem na lista os municípios de Perdigão, Araújos, Bambuí, Santo Antônio do Monte, Onça de Pitangui, e São Sebastião do Oeste.

O documento da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais foi divulgado na segunda-feira. Segundo a secretaria, os recursos são para os municípios com a incidência de casos de dengue alta ou muito alta, para que sejam evitados óbitos em decorrência da doença.

Das sete cidades que serão contempladas com as verbas, itaúna receberá uma quantia de R$ 70 mil enquanto as demais receberão apenas R$20 mil. A razão disto segundo a Secretaria de Estado em Saúde, é que cidades com população de até 25 mil habitantes recebem uma parcela única de R$ 20 mil. Enquanto cidades com população entre 25.001 e 70.000 habitantes, recebem uma parcela única de R$ 40 mil. Já as cidades com população entre 70.001 e 100.000 habitantes têm direito à parcela única no valor de R$ 70 mil.

Apesar de ainda não haver nenhum caso de morte por dengue na cidade, o número de casos prováveis já passou de 500 de acordo com o último boletim epidemiológico divulgado na segunda-feira. Em 2019, até o momento, foram registrados 341.603 casos prováveis de dengue no estado. Também até o momento, foram confirmados 65 óbitos por dengue