NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 28 de novembro de 2020

Itaúna fica atrás de Pará de Minas e Formiga em infraestrutura

 

Quatro cidades do Centro-Oeste de Minas Gerais aparecem na lista das 100 cidades com 50 mil a 100 mil habitantes que proporcionam condições adequadas de moradia para seus habitantes. Itaúna ficou atras de Pará de Minas e Formiga.

 

Das 5,5 mil cidades brasileiras, algumas destacam-se por seu elevado desempenho e desenvolvimento em infraestrutura no país.

 

O ranking, que faz parte da pesquisa “As melhores cidades do Brasil para fazer negócios”, foi elaborado com exclusividade pela consultoria Urban systems para a revista Exame.

 

Na lista aparecem em 18ª posição, Pará de Minas, seguido por Formiga (33ª), Itaúna (44ª) e Nova Serrana (50ª). Cada uma conquistou a seguinte pontuação, respectivamente, 2.490; 2.439; 2.421; e 2.398.

 

Para chegar neste resultado, o estudo levantou informações de 348 municípios com uma população entre 50.000 e 100.000 habitantes – estes, responsáveis por 10{4f38b4b7d8b4b299132941acfb1d57d271347fbd28c4ac4a2917fcb5fee07f0b} do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro.

 

O ranking leva em conta três indicadores, como o número de casas com internet fixa de alta velocidade, índice de perdas na distribuição de água e a quantidade de vezes em que ocorreram paralisações no sistema de distribuição de água.

 

O primeiro lugar ficou com Vinhedo, em São Paulo, com 3.273 pontos.