NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 23 de junho de 2021

 

Foram 140 novos infectados que entraram para os registros da pandemia, totalizando 9.300 – Foto Santana FM

 

 

O município de Itaúna registrou aumento no número de infectados, de hospitalizados e de internados em 24 horas, de acordo com os boletins atualizados na tarde desta terça-feira 25/05. Foram 140 novos infectados que entraram para os registros da pandemia, totalizando 9.300 itaunenses contaminados desde março de 2020. Pelo segundo boletim seguido a cidade confirma mais de 100 casos positivos.

 

Hospitalizados positivos

 

Com o aumento de positivos, consequentemente cresce o número de casos ativos, em acompanhamento ou tratamento. Nesta terça 593 itaunenses estão nesta situação, incluindo os 39 hospitalizados com testagem positiva.

 

Mortes por Covid

 

Segundo o Setor de Saúde, o numero de mortes permanece em 198, não sendo registrado nenhum óbito positivo nas ultimas horas. Na segunda-feira foram informadas 8 vidas perdidas.

 

Em nota, a Administração Municipal ressaltou a importância da máscara, distanciamento social e das medidas de higiene no combate à doença.

 

Manoel Gonçalves

 

Subiu de 46 para 59 em 24h, o total de internados no Hospital Manoel Gonçalves para tratar a infecção do Coronavirus. No CTI Covid, de acordo com o boletim temos 20 pacientes em tratamento, sendo (17 pessoas de Itaúna e 03 da microregiao). Outras 39 pessoas estão na ala de enfermaria (33 pacientes de Itaúna e 06 da região).

 

Além de Itaúna, o hospital é referencia no atendimento para a população de Itatiaiuçu, Itaguara e Piracema.

 

Altas positivas

 

Ainda de acordo com o hospital, 3 itaunenses com testagem positiva, obtiveram alta nas ultimas horas.

 

 

 

 

Covid em Minas

 

Minas confirmou 6.347 casos e 48 mortes por COVID-19 em 24 horas. De acordo com o boletim epidemiológico, divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde, nesta terça-feira (25/5), 1.525.072 pessoas testaram positivo para o novo coronavírus. A doença levou à morte de 39.176 delas.

 

A transmissão e o número de mortes, apesar das leves quedas em maio em comparação a abril, mantém-se em patamares elevados.