NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 21 de abril de 2021

Um médico de 29 anos é o primeiro paciente em Minas a testar positivo pela segunda vez para a Covid-19. A informação foi confirmada nesta terça-feira (2) pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) e a vítima é a sétima com reinfecção constatada em todo o país.

O homem apresentou o primeiro diagnóstico em maio de 2020 e, em janeiro deste ano, 230 dias depois, voltou a desenvolver os sintomas e confirmou novamente o resultado positivo. Segundo a Fundação Ezequiel Dias (Funed), que analisou as amostras e fez o sequenciamento genético do vírus, existem diferenças entre as duas cepas que infectaram o rapaz.

Esta é a primeira confirmação laboratorial de reinfecção pelo Sars-COV2 no Estado. A vítima, segundo a SES-MG, apresentou apenas sintomas leves e não precisou ser hospitalizada.

Investigação

O paciente reinfectado pelo Sars-CoV-2 em Minas é médico e mora em Sabará, na região metropolitana de Belo Horizonte, e atende também em Caeté e na capital. Segundo a Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), que participou da elaboração do diagnóstico, o rapaz realizou o exame sorológico em agosto de 2020 e o resultado foi positivo para o anticorpo IgG, mas, em dezembro, o mesmo exame teve resultado negativo.

O novo diagnóstico de Covid-19 veio no dia 6 de janeiro, quando ele realizou um novo exame RT-PCR após retornar do Rio de Janeiro e apresentar quadro de mialgia, cefaleia, tosse seca e faringite.

As amostras coletadas foram analisadas por pesquisadores do Laboratório de Imunopatologia da UFOP e encaminhadas para a Funed para sequenciamento do genoma do vírus. A apuração do caso foi feita pelo Laboratório Central (Lacen), da Funed, e pelo Laboratório de Referência Nacional (LRN), da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz/RJ).