Nº de mortos pela chuva em SP sobe para 24

31/01/2022 | Brasil

Chuvas provocam deslizamentos de terra e alagamentos em Francisco Morato – Foto: Reprodução/GloboNews

 

 

O chefe da operação de resgate das vítimas afetadas pelo deslizamento em Franco da Rocha, na região metropolitana de São Paulo, confirmou três novos óbitos no início da tarde desta segunda-feira (31), totalizando 24 mortes decorrentes das fortes chuvas que atingem o estado, sendo oito apenas no município.

 

Segundo informações preliminares da equipe de saúde do município, entre as vítimas estão quatro homens e uma mulher. São eles Diego dos Santos; Cleber Bonfim, de 37 anos; Anderson da Costa, 26 anos; Amanda Sales, 25 anos; e Vinicius, 13 anos. Outras três pessoas que morreram seguiam sem identificação .

 

Das 24 vítimas em todo o estado, ao menos dez são menores de idade – sendo oito crianças e dois adolescentes. Uma das crianças é um bebê com apenas três meses, que chegou a ser socorrido após um desabamento em Itapevi. A mãe dele, de 27, foi resgatada e está no Hospital Geral de Itapevi.

 

A Defesa Civil do estado contabiliza 660 famílias desabrigadas (precisaram sair de casa e estão em abrigos) ou desalojadas (estão em casas de parentes).

 

Os temporais também causaram deslizamentos de terra, transbordamento de rios e alagamentos. O governador João Doria anunciou a liberação de R$ 15 milhões para as cidades afetadas. Segundo o governo paulista, cerca de 500 pessoas estão desalojadas em 11 cidades do estado.

 

Por G1 

 

 

 

Veja também