‘O Cruzeiro vai ser campeão da Série B’, projeta Bolsonaro

12/02/2022 | Brasil

Presidente deu opinião durante conversa com apoiadores no cercadinho – Reprodução/Youtube

 

 

Famoso por já ter vestido camisas de ao menos 80 clubes brasileiros, o presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou a comentar sobre futebol nesta sexta-feira (11).

 

No contato com apoiadores no cercadinho do Palácio da Alvorada, em Brasília, Bolsonaro projetou o título do Palmeiras no Mundial de Clubes e o acesso do Cruzeiro à Série A do Campeonato Brasileiro nesta temporada.

 

“Neste sábado, 12/2), o Palmeiras será bicampeão mundial. Depois que eu cheguei, já fomos bi da Libertadores, a Copinha também. E o Cruzeiro vai ser campeão da Segundona este ano”, disse o chefe do executivo.

 

Neste sábado, o Palmeiras mede forças com o Chelsea, da Inglaterra, na final do Mundial de Clubes. A partida, que será realizada no estádio Estádio Mohammed Bin Zayed, em Abu Dhabi, está marcada para as 11h30 (de Brasília).

 

O Cruzeiro, por sua vez, inicia sua terceira participação consecutiva na Série B do Campeonato Brasileiro na primeira semana de abril, em duelo contra o Bahia.

 

Originalmente, Bolsonaro é torcedor do Palmeiras. O presidente, por exemplo, esteve no gramado do Allianz Parque em 2018 durante a cerimônia de entrega da taça do Campeonato Brasileiro.

 

Em fevereiro do ano passado, chegou a realizar chamada de vídeo com o volante Felipe Melo, então jogador do clube paulista, e o atacante Breno Lopes após a conquista da Copa Libertadores pelo time alviverde.

 

Durante o mandato, porém, o presidente já foi fotografado com a camisa de pelo menos 80 equipes brasileiras.

 

Além de América, Atlético e Cruzeiro, Bolsonaro apareceu, entre outros, com uniformes de times como Corinthians, Botafogo, Flamengo, Fluminense, Vasco, América-RJ, Grêmio, Internacional, Brasil-RS, Esportivo-RS, Athletico-PR, Londrina, Cascavel-PR, Operário-PR, Chapecoense, Tubarão-SC, Palmeiras, Santos, Bahia, Ceará, Fortaleza, Ferroviário-CE, Paysandu, Remo, Sport, Goiás, Sampaio Corrêa, River-PI e Campinense.

 

Por Uai 

 

 

 

Veja também