NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 7 de julho de 2020

Prefeitura proíbe turistas e fecha comércios em Oliveira – Foto: Prefeitura de Oliveira/Divulgação

 

A Prefeitura de Oliveira adotou novas medidas de enfrentamento à Covid-19 que passaram a valer nesta segunda-feira (1º). O decreto publicado no dia 30 de maio, que proíbe a permanência de turistas na cidade.

O documento também determina a intensificação do monitoramento nas barreiras sanitárias e o fechamento total do comércio por uma semana, com exceção dos serviços essenciais.

De acordo com o Boletim da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MG), divulgado na manhã desta terça-feira (2), Oliveira tem cinco casos confirmados de coronavírus. No entanto, dados divulgados pela Prefeitura nesta segunda, apontam sete casos positivos.

Acesso restrito

De acordo com o decreto, fica determinada a não entrada de pessoas residentes em outros municípios com a finalidade de passeio ou temporada na cidade. Sendo assim, só os moradores poderão permanecer na cidade.

Segundo a Prefeitura, será monitorada a entrada de pessoas a trabalho ou para entregas, e de pessoas atravessando a cidade para chegar até a BR-381.

Os agentes de saúde que estão atuando nas barreiras sanitárias devem intensificar o monitoramento dos veículos que acessam as entradas da cidade. O decreto diz que deverá ser feita uma triagem minuciosa levando em consideração de onde vem os ocupantes do veículo e aferindo a temperatura corporal.

No caso em que for detectado pelos agentes da barreira sintomas suspeitos da Covid-19 e as pessoas forem moradoras da cidade, estas serão orientadas a permanecer de quarentena pelo período de 14 dias e deverão assinar um termo de responsabilidade.

Comércio

Segundo o decreto, de 1º a 8 de junho, está proibida a abertura de todos os estabelecimentos comerciais, principalmente, na região central da cidade, com exceção dos serviços essenciais. Os comércios, em geral, estão com a vedação de receber o público na parte interna, mas podem atender com a modalidade de delivery.

Ficam suspensas as atividades do terminal rodoviário de Oliveira, bem como lanchonetes, bares e outros estabelecimentos que funcionem dentro do terminal.

Ao fim desta semana, o Comitê de Enfrentamento a Covid-19 fará uma nova avaliação sobre o que abre e fecha.

Restrições

Segundo o decreto, o serviço de transporte público rural, urbano e de empresas podem funcionar, no entanto, seguindo as seguintes recomendações:

  • Não exceder 50% da capacidade de passageiros sentados, podendo o serviço ser realizado em horário diferenciado.
  • Os veículos devem ser higienizados com frequência, diariamente.
  • Colabores e usuários do serviço devem ser orientados a usar obrigatoriamente, as máscaras
Mapeamento

Conforme documento, a Prefeitura fará um mapeamento do vírus na cidade nesta semana. A intenção é identificar em qual região do município está com mais incidência da doença.