PM prende 18 pessoas que não pagavam passagem em Uberlândia

21/04/2022 | Minas Gerais

 

Parte dos usuários identificados na ação irregular no transporte público de Uberlândia – Foto: Divulgação/PM

 

 

Uma operação da Polícia Militar (PM) deteve 18 pessoas que estavam burlando o sistema de pagamento do transporte público de Uberlândia, na noite dessa terça-feira (19/4). Eles foram flagrados entrando em uma estação do corredor da Avenida João Naves de Ávila pelas portas automáticas em vez de pagar passagem e entrar por meio de catracas.

 

De acordo com os militares, flagrantes foram feitos momentos antes da ação. A abordagem aconteceu na estação 4 do corredor dos ônibus, entre os bairros Cazeca e Tibery.

 

Nos vídeos e fotos é possível ver várias pessoas entrando na estação pela porta automática, assim que um novo veículo para no local.

 

Além do risco de atropelamento e da desorganização na estação, os passageiros não pagam pelo transporte, pois, em seguida, podem entrar no ônibus a partir da plataforma.

 

A operação veio depois de denúncia anterior das empresas de transporte da cidade, que informaram sobre a ação frequente de usuários do serviço. Os militares não permitiram que o veículo seguisse viagem e retiraram individualmente os passageiros que já tinham sido flagrados cometendo a irregularidade. Só depois da detenção dessas pessoas o ônibus seguiu.

 

As pessoas foram encaminhadas à Delegacia de Plantão da Polícia Civil e poderão responder pelo crime de utilização de transporte coletivo sem dispor de recursos para efetuar o pagamento, previsto no artigo 176 do Código Penal.

 

As 18 pessoas foram liberadas depois de assinar Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

 

Por Uai 

 

 

Veja também