NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 4 de agosto de 2021

seca serra azul maio

 

 

 

Um relatório elaborado pelo Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam) em janeiro deste ano aponta que o volume operacional do Sistema Serra Azul, terceiro maior reservatório de abastecimento de água de Belo Horizonte, pode chegar a 0{4f38b4b7d8b4b299132941acfb1d57d271347fbd28c4ac4a2917fcb5fee07f0b} do seu volume operacional já em maio. A nota técnica se baseou em simulações mensais feitas no manancial, que aponta déficit de 8,32 metros cúbicos (m³) no volume operacional do sistema Serra Azul, já no próximo mês, ao considerar o melhor cenário de chuvas.

Na última medição, na sexta-feira, o Serra Azul operava com 15,8{4f38b4b7d8b4b299132941acfb1d57d271347fbd28c4ac4a2917fcb5fee07f0b} de sua capacidade.

A dez dias do fim de abril, choveu pouco para a média de precipitações previstas para o mês. Conforme o Centro de Climatologia – PUC Minas TempoClima, até sexta-feira, o volume de chuvas registrado foi de 17 milímetros, bem inferior aos 61 mm previstos para até o dia 30. “Neste mês, a previsão é de chuvas isoladas e mais fracas. Não serão suficientes para manter o volume dos mananciais”, informou o meteorologista Heriberto dos Anjos. Do período de maio a setembro, a tendência é de redução drástica nos volumes pluviométricos, segundo prevê o especialista.

Já em níveis críticos, os reservatórios Rio Manso, Serra Azul e Várzea das Flores baixaram o volume nos últimos dias. Na sexta, o Sistema Paraopeba, que reúne os três reservatórios, estava operando com 39,1{4f38b4b7d8b4b299132941acfb1d57d271347fbd28c4ac4a2917fcb5fee07f0b} de sua capacidade. Nem mesmo o decreto de escassez hídrica, que obrigou 26 empreendimentos a restringir a retirada de água dos mananciais desde 10 de abril, foi capaz de manter o nível dos mananciais.

O Serra Azul possui cinco outorgas, segundo o Igam, sendo três concedidas para produtores rurais, uma para a Copasa e outra para o condomínio Fazenda Solar, em Igarapé. De acordo com o síndico do empreendimento, Genésio Teixeira, há muito tempo a água utilizada não é mais captada do Serra Azul. “O lago secou muito no ponto onde captávamos a água. Agora, a Copasa abastece nossa caixa d’água”, informou. Conforme o decreto de escassez hídrica, a Copasa teve de reduzir em 20{4f38b4b7d8b4b299132941acfb1d57d271347fbd28c4ac4a2917fcb5fee07f0b} a captação do Serra Azul, cuja retirada era de 2,940 metros cúbicos por segundo. Já os produtores rurais reduziram em 25{4f38b4b7d8b4b299132941acfb1d57d271347fbd28c4ac4a2917fcb5fee07f0b} a captação, o que não impediu que o nível caísse nos últimos dias. Nos outros reservatórios, empresas e mineradoras tiveram de cortar 30{4f38b4b7d8b4b299132941acfb1d57d271347fbd28c4ac4a2917fcb5fee07f0b} da retirada de água.

Diante desse cenário, que aponta para um volume morto já no próximo mês, o esperado é que o governo adote medidas de racionamento para que o manancial mantenha-se ativo até o próximo período de chuvas.