NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 21 de abril de 2021

Foto Marcelo Lages/TV Globo

 

 

A segunda remessa com de doses das vacinas contra a Covid-19 começa a ser distribuída nesta quinta-feira (28) para todo o estado. Os imunizantes chegaram no domingo (24) e serão enviados pelo Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte.

De acordo com o secretário-adjunto de estado de Saúde de Minas Gerais, Marcelo Cabral, uma parte será distribuída nesta quinta e outra, na sexta-feira (29).

Ele explicou a logística: “A gente já vem fazendo esse planejamento com as forças de segurança, assim como aconteceu da primeira vez. (…) Esse planejamento foi feito para que seja distribuído hoje e amanhã e a gente tem condição de, a partir de segunda feira, iniciar a vacinação. Os municípios vão receber das regionais e, a partir daí, inicia a campanha de vacinação na segunda-feira”.

 

Nesta quinta serão encaminhadas 276.760 doses e na sexta, 79.540. A Polícia Militar (PM), a Polícia Civil e o Corpo de Bombeiros estão envolvidos nos trabalhos. De acordo com Cabral, é a maior operação de vacinação do estado de Minas Gerais que conta com três aviões e dois helicópteros”.

 

 

A chegada

 

A segunda remessa de doses de vacina contra a Covid-19 chegou neste domingo (24) no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, na Grande BH. As 190,5 mil doses do imunizante da Oxford/AstraZeneca produzidas no Instituto Serum, na Índia, e que chegaram ao Brasil na última sexta-feira (22), serão distribuídas em Minas Gerais.

 

No início da semana, o governo já havia recebido 577.480 doses da CoronaVac, desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan. A informação foi divulgada pelo Ministério da Saúde e depois foi confirmada pelo governo de Minas.

 

O voo trouxe os imunizantes para Minas do Aeroporto Internacional do Galeão, no Rio de Janeiro. Foi um voo fretado, segundo informou a Azul Linhas Aéreas, companhia responsável pelo transporte. Ainda segundo a empresa, depois da parada em Minas, seguiu com cargas para Palmas (TO) e Campo Grande (MS).

 

Por G1