NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 30 de novembro de 2020

greve servidores estaduais

 

 

Uma paralisação de 24h deverá acontecer no próximo dia 27 de janeiro por parte dos servidores estaduais. A decisão foi tomada durante reunião de vários sindicatos que integram a Coordenação Intersindical dos Servidores do Governo do Estado de Minas Gerais. A medida foi tomada após o anúncio do governo do Estado sobre o atraso e parcelamento dos salários dos primeiros meses de 2016. 

A grande paralisação será acompanhada de manifestações pela capital mineira, ainda conforme os sindicatos. Antes do ato, os servidores pretendem se reunir com o governador Fernando Pimentel (PT) ou secretários para tentarem chegar a um acordo. Caso contrário, a paralisação será deflagrada. 

No início do mês,  o secretário de Planejamento e Gestão, Helvécio Magalhães, afirmou que, assim como salário de dezembro, o de janeiro (a ser pago em fevereiro) também seria atrasado. Ele também não descartou a possibilidade de, a partir de março, os contracheques serem parcelados em função das dificuldades financeiras enfrentadas pelo governo.

Segundo o diretor-político do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público de Minas Gerais (Sindpúblicos), Geraldo Henrique, eles pretendem propor ao Estado uma alteração na forma da arrecadação do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).