NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 29 de novembro de 2020

Reprodução da internet

 

O suspeito de estuprar uma menina de dez anos em São Mateus, no Estado do Espírito Santo, foi preso por volta das 3h30 da madrugada desta terça-feira (18), em Betim na região metropolitana de Belo Horizonte, em uma operação da Polícia Civil do Espírito Santo.

 

A informação foi confirmada via redes sociais pelo governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB).

 

“Que sirva de lição para quem insiste em praticar um crime brutal, cruel e inaceitável dessa natureza. Detalhes da operação serão repassada pela equipe segurança ainda hoje”, disse o governador do ES.

 

 

 

 

O suspeito de 33 anos será encaminhado ao Complexo Penitenciário de Xuri, em Vila Velha, na Grande Vitória. Ele foi indiciado por estupro de vulnerável e ameaça e estava foragido desde a última semana.

O homem também já tinha passagem criminal por tráfico de drogas e esteve preso entre 2011 e 2018.

A gravidez foi revelada no dia 7 de agosto, quando a menina foi ao hospital em São Mateus se queixando de dores abdominais. A menina relatou que começou a ser estuprada pelo próprio tio desde que tinha 6 anos e que não o denunciou porque era ameaçada.

A criança passou por um procedimento e interrompeu a gestação em Recife (PE) nesta segunda (17). Ela estava na unidade desde domingo (16), quando iniciou o processo. O procedimento foi concluído por volta das 11h e a menina passa bem.

 

Assista: Polícia Espírito Santo dá coletiva sobre prisão de suspeito

 

A Polícia Civil do Espírito Santo concede, na tarde desta terça-feira, uma entrevista coletiva sobre a prisão do homem de 33 anos que foi preso suspeito de estuprar e engravidar a sobrinha, de apenas 10, em São Mateus, no interior do estado. A criança passou por um procedimento de aborto legal. O caso gerou comoção no país.