NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 23 de abril de 2021

Itaúna já recebeu 5.376 doses de vacinas para combate a Covid-19 – Imagens redes sociais

 

 

 

Haverá nesta sexta-feira, 05/03, mais uma rodada de vacinação para os profissionais da saúde de Itaúna.

 

A aplicação da vacina será realizada a partir das 8h, no estacionamento da Avacci. Serão disponibilizadas 175 doses (quantitativo e público-alvo definidos pelo Estado).

 

Além dos grupos já contemplados nas fases anteriores, como médicos, profissionais da área de enfermagem, fisioterapeutas, odontólogos, farmacêuticos, dentre outros, a imunização será estendida também para biomédicos, terapeutas ocupacionais e psicólogos.

 

 

Para a vacinação, os profissionais deverão apresentar os seguintes documentos:

 

1) Cópia do documento de identificação com foto.

2) Cópia do CPF.

3) Cópia legível da carteirinha do conselho de classe (se carteirinha vencida apresentar também certidão que está ativo no conselho).

4) Cópia do comprovante de endereço.

5) Cópia do documento que comprove vinculação ativa com o serviço de saúde, sendo aceitos alguns dos abaixo: descritos:

– Cópia legível da carteira de trabalho comprovando vínculo ativo com o serviço de saúde OU

– Cópia legível de contrato com data de vigência atual com os dados da empresa e funcionário comprovando vínculo ativo com o serviço de saúde OU

– Cópia legível de contracheque do último mês comprovando vínculo ativo com o serviço de saúde OU

– Para profissionais autônomos e liberais será aceito o documento “Declaração de vinculação ativa como trabalhador da saúde” disponível no site da prefeitura.

 

Profissionais que não apresentarem todos os documentos exigidos NÃO serão vacinados. A equipe de vacinação realizará conferência rigorosa e as cópias deverão ser entregues aos profissionais.

 

Caso alguma profissional do público acima esteja gestante ou amamentando, além dos documentos citados, deverá também apresentar prescrição médica deixando claro a decisão compartilhada entre médico e paciente.

 

Como o quantitativo de doses é disponibilizado de maneira gradual, tão logo mais doses sejam disponibilizadas, novas datas serão definidas para vacinação dos demais trabalhadores da saúde definidos e outros públicos-alvos definidos pelo MS.

 

 

 

Hora de tomar a segunda dose

 

💉 Idoso que tomou a primeira dose da vacina contra Covid-19 no dia 18/02!

⚠️ Atenção: sem o cartão de vacina a dose NÃO será aplicada!

 

 

 

 

Vacinação no Centro-Oeste

 

 

Na região Centro-Oeste de Minas, as principais cidades – Divinópolis, Formiga, Pará de Minas, Itaúna, Itapecerica, Oliveira, Bom Despacho e Lagoa da Prata – já receberam, ao todo, 42.278 doses. Deste total, 27.107 foram aplicadas.

 

Veja a situação do estoque de vacinas no Centro-Oeste, conforme dados do portal Vacinômetro, do Governo de Minas.

 

 

Situação do estoque de vacinas no Centro-Oeste de MG

 

Cidades Doses recebidas Doses aplicadas Estoque Há risco de a campanha ser interrompida agora?
Bom Despacho 3.618 2.440 1.238 De acordo com a Prefeitura, as doses recebidas até o momento não são suficientes para imunizar todos os grupos prioritários
Divinópolis 16.892 10.254 6.638 Não respondeu até a última atualização da reportagem
Formiga 4.306 2.779 1.527 De acordo com a Prefeitura, as doses recebidas até o momento não são suficientes para imunizar todos os grupos prioritários
Itaúna 5.376 3.710 1.666 De acordo com a Prefeitura, o número de vacinas ainda não é suficiente.
Itapecerica 1.498 1.100 398 De acordo com a Prefeitura, as doses recebidas até o momento não são suficientes para imunizar todos os grupos prioritários
Lagoa da Prata 2.478 1.870 608 De acordo com a Prefeitura, as doses recebidas até o momento não são suficientes para imunizar todos os grupos prioritários
Nova Serrana 2.116 1.343 773 De acordo com a Prefeitura, as doses recebidas até o momento não são suficientes para imunizar todos os grupos prioritários
Oliveira 2.964 2.034 930 Não respondeu até a última atualização da reportagem
Pará de Minas 4.528 2.677 1.851 De acordo com a Prefeitura, as doses recebidas até o momento não são suficientes para imunizar todos os grupos prioritários

 

 

 

 

 

 

Centro-Oeste: 5ª remessa de vacinas não será suficiente para imunizar grupos

 

 

 

 

 

Itaúna registra mais 21 casos e confirma a 80ª morte